O gênero Ficus pertence à família das plantas amoreiras (Moraceae). Há diferentes informações sobre o número de espécies de Ficus existentes, pode haver entre 800 e 2.000. Elas vivem em todos os continentes nas regiões tropicais. Algumas figueiras podem se tornar árvores muito grandes, com uma circunferência de copa de mais de 300 m.or Bonsai.

 

Típica em todas as espécies de bonsai de figueira é a sua seiva látex leitosa, que sairá de feridas ou cortes. As figueiras tropicais são árvores perenes, pequenos arbustos ou até mesmo plantas trepadeiras. Algumas delas podem produzir bonitas flores, enquanto a maioria das espécies de Ficus tem flores ocultas em pequenos receptáculos de onde o fruto se desenvolve. Somente vespas de figueira polinizadoras especializadas podem polinizar essas flores ocultas.

Os frutos podem ser amarelos, verdes, vermelhos ou azuis violáceos, e estão entre alguns milímetros a vários centímetros de tamanho, como o fruto comestível do Ficus carica.

Se você precisar de ajuda para identificar sua árvore, experimente o nosso guia de identificação de árvores de Bonsai.

 

Vídeo Bonsai de Ficus

 

A maioria das árvores de bonsai de Ficus pode produzir raízes aéreas em seu habitat natural, que são frequentemente apresentadas em criações de bonsai atraentes, com muitos pilares de raízes aéreas ou estilos de raiz sobre rocha. Para possibilitar o desenvolvimento de raiz aérea em nossas casas, uma umidade de quase 100% deve ser alcançada de forma artificial. Você pode usar uma tampa de vidro, tanque de peixes ou uma construção com folhas transparentes para esta finalidade.

As raízes aéreas crescem para baixo verticalmente, a partir dos galhos, e quando elas atingem o solo, transformam-se em troncos fortes como pilares. Em climas tropicais, uma única árvore pode se tornar uma estrutura parecida com uma floresta e cobrir uma enorme extensão.

As folhas da maioria das espécies de bonsai de Ficus têm pontas especiais a partir das quais a água da chuva escorre. As folhas podem ser de tamanhos muito diferentes, entre 2 e 50 cm de comprimento.

Os troncos têm uma casca cinza suave na maioria dos casos. Existem algumas espécies ou variedades, porém, com padrões de casca especiais, como o ficus microcarpa "Tigerbark", por exemplo.

As plantas de Bonsai de Ficus Ginseng são venenosas para animais de estimação, pode ser especialmente perigoso se eles comerem as folhas. As árvores devem ser colocadas fora do alcance dos animais de estimação.

 

Orientações específicas de cuidados de Bonsai de Ficus

Posição: A árvore de bonsai de ficus é um bonsai de interior, que não suporta geada. Ela pode ser mantida do lado de fora no verão, se as temperaturas estiverem acima de 15 °C, e ela precisa de muita luz — a pleno sol é o ideal, tanto dentro quanto fora de casa se a árvore for exposta gradativamente à radiação ultravioleta ou se ela tiver sido desfolhada antes de colocar a árvore do lado de fora. Um local com muita sombra é desfavorável. A temperatura deve ser mantida relativamente constante. As figueiras podem suportar a baixa umidade, devido às suas folhas grossas, cerosas, mas elas preferem uma maior umidade e precisam de umidade extremamente elevada para desenvolver raízes aéreas.

Rega: O Ficus deve ser regado normalmente, o que significa que deve ser dada água generosamente sempre que o solo ficar um pouco seco. O Bonsai de Ficus pode tolerar ocasional excesso ou pouca rega. A água da torneira com temperatura ambiente é perfeita. A nebulização diária para manter a umidade é aconselhável, mas não exagere, caso contrário problemas de fungos podem aparecer. Quanto mais quente o local onde a figueira fica durante o inverno, mais água ela necessita. Se ela hiberna em um lugar mais frio, ela só precisa ser mantida ligeiramente úmida.

Adubação: Adubar semanalmente ou a cada duas semanas durante o verão, a cada duas a quatro semanas durante o inverno (se o crescimento não parar). O fertilizante líquido pode ser utilizado, bem como granulados de adubo orgânico.

Ficus bonsaiPoda: A poda regular é necessária para manter a forma da árvore. Faça a poda deixando 2 folhas após 6 a 8 folhas terem crescido. A poda da folhagem pode ser usada para reduzir o tamanho das folhas, já que algumas espécies de bonsai de ficus normalmente desenvolvem folhas grandes. Se um engrossamento considerável do tronco for desejado, pode deixar que o ficus cresça livremente por um ou dois anos. Os cortes fortes que são necessários mais tarde, não afetam a saúde do ficus, e novos brotos vão se desenvolver a partir da madeira velha. As feridas maiores devem ser cobertas com pasta cicatrizante.

Aramação: A aramação de galhos finos a meio fortes de ficus é fácil, pois eles são muito flexíveis. Porém, os arames devem ser verificados regularmente, uma vez que eles se entranham na casca muito rapidamente. Os galhos fortes devem ser moldados com cabos de ancoragem, pois esses podem ser deixados na árvore por um período muito mais longo.

Técnicas de treinamento especiais: O Ficus tem a capacidade de fundir partes da planta que se tocam com alguma pressão. Assim, galhos, raízes ou troncos podem se fundir e formar belas estruturas. Você pode usar esse recurso, por exemplo, para amarrar um monte de plantas jovens juntas e deixá-las se fundir para construir um tronco único forte. As figueiras também reagem muito bem à abordagem de enxertia de galhos e de raízes e a outras técnicas de enxertia. Se as condições de desenvolvimento são ideais, até mesmo raízes aéreas tiradas de uma parte da árvore podem ser enxertadas em uma posição diferente. Para o fechamento mais rápido de grandes feridas de plantas jovens, brotos ou raízes aéreas podem ser enxertados em toda a ferida. O cultivador pode trabalhar em figueiras com criatividade quase ilimitada, o que aumenta o apelo do ficus como planta de bonsai consideravelmente.

Transplante: Transplante a árvore durante a primavera a cada dois anos, usando uma mistura básica de solo. O Ficus tolera muito bem a poda de raízes.

Propagação: Estacas podem ser plantadas em qualquer época do ano, mas o sucesso é maior com o desenvolvimento em meados do verão. A alporquia funcionará melhor na primavera (outubro-novembro). O desenvolvimento de plantas a partir de sementes de Ficus na primavera, também funciona com facilidade na maioria dos casos.

Aquisição de bonsai de ficus ginseng: As plantas de Ficus estão disponíveis como bonsai baratos ou plantas de vaso em quase todas as lojas de utilidades para casa, lojas de materiais de construção ou viveiros. Os Bonsai baratos, produzidos em massa, na maioria dos casos trazem um monte de problemas com eles, como cicatrizes feias de arame enferrujado que se entranhou na casca, formas pouco atraentes, galhos muitas vezes mal enxertados em posições estranhas, solo ruim e às vezes vasos inadequados, sem furos de drenagem. Os comerciantes de bonsai especializados oferecem tudo, desde plantas jovens, pré-bonsai e figueiras pré-estilizadas, até bonsai de alto valor, na maioria dos casos bem cuidados e de boa qualidade.

Pragas / doenças: As espécies de figueira são bastante resistentes contra pragas. Dependendo da localização, especialmente no inverno, uma série de problemas pode ocorrer de qualquer forma. O ar seco e a falta de luz enfraquecem o bonsai de ficus e muitas vezes resultam na queda das folhas. Em condições precárias como esta, os bonsai de ficus às vezes são infestados com cochonilhas-de-escama ou ácaros. Bastonetes inseticidas sistêmicos habituais para colocar no solo ou sprays inseticidas/acaricidas, vão funcionar, mas as condições de vida do ficus debilitado também devem ser melhoradas. Lâmpadas de plantas (que iluminam de 12 a 14 horas por dia) e a nebulização frequente das folhas durante a recuperação podem ser úteis.

Para obter informações mais detalhadas sobre estas técnicas, experimente nossa seção de cuidados de árvores de Bonsai.

 

 

Exemplo de uma árvore de Bonsai de Ficus (Figueira)

Árvore de Bonsai de Ficus (figueira)